26º DIA – JEJUM DE ESTER

julho 29, 2016 in Pra Cristina Medeiros

26º Dia – 29/Julho/2016 – TER AS BÊNÇÃOS DO PURIM – Et. 9:17, 18, 26-29

O PUR e o PURIM

- O terno Pur no hebraico quer dizer sortes. Uma sorte é a sentença que pesa sobre a vida de uma pessoa. Espiritualmente o Pur é o plano que o diabo escreveu a nosso respeito.
- O Purim é aquilo que Deus determinou nas nossas vidas. Estarmos na Igreja hoje demonstra que optamos pelo Purim e não aceitamos o Pur do diabo.

- O Purim frustra as expectativas do inferno. A expectativa do inferno é que tropecemos e entreguemos as promessas, mas o Purim significa que o plano do inimigo foi frustrado.

- Na Pérsia, quando o inimigo soube que os seus planos foram frustrados, eles temeram o povo de Deus.

- Da mesma forma hoje, o inimigo sabe que os planos dele foram frustrados, porque Deus tem um plano muito maior para a nossa vida. O Senhor vai nos levantar em meio aquilo que o inimigo queria destruir.

PARA VIVERMOS AS BÊNÇÃOS DO PURIM É NECESSÁRIO:

1º- Operacionalizar o direito de resistirEt. 8:11 - Isto significa que nós fomos chamados para transformar situações. – O poder de resistência está no corpo. Este poder de resistência significa resistir o que humanamente não se pode. É uma determinação espiritual que extrapola a força carnal. O diabo não suporta um homem resistente. Quando pagamos um preço de resistência desmontamos o diabo. Quando pagamos um preço de resistência o melhor de Deus vem para as nossas vidas. – Resistência significa não dar espaços ao diabo – Ef. 4:27

- Esta resistência consiste em:

1 – Defender a fé, a visão, o chamado, os valores, aquilo que recebemos e quando resistimos pela obra, resistimos por todas as coisas;

2 – Se preparar para ser um instrumento da vingança do Senhor. O poder de resistência é o fator determinante do plano de Deus. Toda grande obra começa pelo poder de resistência. Pela nossa resistência seremos honrados.

2º- Mudar a motivação do coração

- Aquele povo já estava sentenciado. Talvez muitos já estavam se entregando. A entrega é o maior de todos os roubos. Mas, Deus tinha levantado a Mordecai que tinha uma disposição incontaminável, que não se envolveu com a fraqueza do povo e não recebeu aquele sentimento coletivo de derrota. No coração de Mordecai tinha uma certeza: há um Deus que pode mudar todas as coisas. – Leia: II Co. 1:9, 10 – Não adianta ninguém falar o contrário. Se Deus quiser nos livrar, Ele vai nos livrar. Porém, para que isso aconteça a sua motivação tem que ser a motivação de Deus. Uma das coisas que mais incomoda o diabo, é você ser persistente naquilo que você crer.

3º- Ocupar o nosso lugar espiritual – Et. 10:2, 3

- A humilhação é o caminho da exaltação. Lembre-se, Mordecai passou por humilhação, mas o Pai o colocou no lugar mais alto. O Senhor transformou as situações. Este é o nosso direito. O nosso direito espiritual é ocupar o lugar espiritual que o Senhor determinou.
- Leia: Ef. 1:21 – O Purim quer dizer: Is. 61:7 – Dt. 28:7 – Is. 54:17

O PURIM SIGNIFICA:

1º- Estar debaixo da proteção do Rei – Ez. 16:8 – O rei Assuero tinha selado aquela lei de morte, mas quis proteger a sua esposa a rainha Ester. Ester tipifica a Igreja que é colocada debaixo da proteção do Rei. Nós somos protegidos do Rei.

2º- O direito de viver a alegria do Senhor – Et. 8:16 – Fp. 4:4 – Sl. 51:12 – Nós já choramos demais, nós já sofremos demais, o Senhor vai nos dar uma unção de alegria. Alegria é uma mudança interior. Significa que a presença de Deus está na minha vida, porque ela independe daquilo que eu tenho, daquilo que eu recebo ou de onde eu estiver. É um dom do Espírito Santo que está dentro de nós. Alegria é aquilo que o Senhor planta em nosso coração. A nossa alegria está na salvação que recebemos do Senhor.

3º Mudança de sorte – Am. 9:14 – Sf. 3:20 – Mudança de sorte representa que o inimigo não tem poder de determinar o nosso futuro. O Purim é a mudança do nosso status espiritual.
- Mudança de sorte é: a mudança de maldito em abençoado; a mudança de estéril em fértil; a mudança de endividado em empresário; a mudança de tímido em ousado; a mudança de ossos secos em grande exército; a mudança de problemático em resolvido; a mudança de choro em alegria; a mudança de lamento em canto de vitória; a mudança de derrotado em vitorioso; a mudança de amarrado em livre; a mudança de cauda em cabeça; a mudança de água em vinho.

Declare:Eu recebo profeticamente todas as bênçãos que o Senhor tem no Purim para minha vida. Profetizo que viverei a alegria, o regozijo, a realização. Desfrutarei de banquetes e festas. Profetizo que acabou o tempo do opróbrio, da porção pequena. Declaro que inicia um tempo pleno do Purim, em nome de Jesus, Amém!”